Especialização ENSP: cinco cursos com inscrições abertas

17 dez

Fonte: Informe ENSP

Com o objetivo de aprofundar conhecimentos e habilidades técnicas em setores específicos do saber, a ENSP abriu inscrições para cinco cursos de especialização em sua grade. Os cursos, que atraem estudantes brasileiros, latino-americanos e de países africanos de língua portuguesa (Palops), integram um programa de formação baseado em competências, que vem se mostrando fundamental para o aprimoramento do SUS e o fortalecimento das ações e serviços de saúde nas esferas local, nacional e, cada vez mais, global. Todas as inscrições devem ser feitas por meio da Plataforma Siga.

Especialização em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana

Estão abertas, até 20 de dezembro, as inscrições para o curso de especialização em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da ENSP/Fiocruz, coordenado pelas pesquisadoras Maria Blandina Marques dos Santos e Eliana Guimarães Félix. O objetivo do curso é oferecer capacitação para o planejamento, organização e avaliação das ações na área de saúde do trabalhador, na perspectiva de integrar teoria e prática para o enfrentamento dos problemas de saúde, trabalho e ambiente. O curso oferece 20 vagas, e as inscrições devem ser feitas na aqui.

A especialização é voltada para profissionais de nível superior completo, que prioritariamente desenvolvam atividades em saúde do trabalhador ou pretendam desenvolver atividades sobre o tema, em especial no âmbito do Sistema Único de Saúde ou ainda em outras instituições, como organizações prestadoras de serviço, ensino e pesquisa. O curso tem carga horária total de 440 horas e será ministrado toda primeira semana do mês, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

As aulas iniciarão em 8 de abril de 2013.

Especialização em Direito e Saúde

Estão abertas, até 10 de janeiro de 2013, as inscrições para o curso de especialização em Direito e Saúde da ENSP/Fiocruz. O objetivo é promover a construção do conhecimento no campo do direito e saúde, desenvolvendo competências gerais e específicas por meio da compreensão dos conteúdos programáticos, além de desenvolver o processo de educação, formação e aperfeiçoamento dos profissionais das ciências da saúde e ciências jurídicas, visando criar no aluno uma compreensão geral sobre a área do direito e saúde.

O curso, coordenado por Maria Helena Barros de Oliveira e Renato José Bonfatti, é destinado a 35 profissionais da área de saúde e direito, vinculados aos órgãos públicos e privados relacionados às áreas do direito e da saúde. Com carga horária total de 500 horas, a especialização será ministrada às segundas e terças-feiras, das 9 às 12 horas e das 13 às 17 horas; às quartas-feiras, das 9 às 12 horas, a cada 15 dias.

Inscrições e edital estão disponíveis aqui.

Especialização em Promoção da Saúde e Desenvolvimento Social

Estão abertas as inscrições para o curso de especialização em Promoção da Saúde e Desenvolvimento Social, coordenado pela pesquisadora da ENSP Maria de Fátima Lobato Tavares. O objetivo do curso é formar profissionais da saúde, da educação e de áreas afins que façam interface com o setor da saúde, membros de organizações comunitárias, gestores do SUS e das diferentes esferas do governo para desenvolver práticas de promoção da saúde e desenvolvimento social. As inscrições estão abertas até 21 de janeiro de 2013.

Há 30 vagas disponíveis para o curso, que será composto de três unidades de aprendizagem: promoção da saúde e desenvolvimento social na gestão de políticas públicas; promoção da saúde e desenvolvimento social nas instituições e organizações; e promoção da saúde e desenvolvimento social nos territórios e comunidade. A carga horária total é de 540 horas, com aulas ministradas às quintas e sextas-feiras, em horário integral.

O resultado da seleção será divulgado em 4/3/2013. Leia o edital e faça sua inscrição aqui.

Especialização em Gestão da Atenção Básica

A Escola de Governo em Saúde da ENSP divulga a abertura das inscrições para a seleção de alunos para o curso de especialização em Gestão da Atenção Básica para egressos do curso de especialização em Saúde da Família, nos moldes da Residência / Residência Multiprofissional em Saúde da Família (ENSP/Fiocruz). O objetivo do curso é promover desempenhos de excelência nas diversas áreas de gestão do serviço público de saúde relacionadas à implementação e ao acompanhamento da Gestão da Atenção Básica e da Estratégia de Saúde da Família (AB/ESF).

As inscrições vão de 12 de dezembro de 2012 até 23 de janeiro de 2013. O programa terá carga horária total de 2.880 horas com 12 (doze) meses de duração, em tempo integral, com carga horária semanal de 60 horas. A formação em serviço representará 80% do tempo, será desenvolvido nas estruturas das secretarias municipal e estadual de Saúde do Rio de Janeiro e em estruturas da Gestão da Atenção Básica do Ministério da Saúde. A carga horária teórica representará 20% do total de horas e ocorrerá em seminários, participação em disciplinas isoladas, encontros com o orientador e outras atividades.

Confira aqui o edital e faça sua inscrição.

Especialização em Saúde Pública

O curso mais tradicional da ENSP – Especialização em Saúde Pública – iniciou o processo de seleção para 2013. São 30 vagas disponíveis para profissionais graduados ligados à área da saúde ou áreas afins. O curso, que está na grade curricular da Escola há 57 anos, pretende introduzir o aluno no campo da saúde coletiva e gerar competências para sua atuação como sanitarista. As inscrições podem ser feitas até o dia 3 de fevereiro de 2013, e a data prevista para início do curso é 1º de abril.

A especialização está sob a responsabilidade dos pesquisadores Alex Molinaro, Gíssia Gomes Galvão e Guido Palmeira. O curso também oferece ferramentas para: apresentar e refletir sobre conceitos estruturantes correspondentes às subáreas constitutivas da saúde pública; capacitar o aluno na identificação de problemas prioritários na área da saúde, buscando soluções criativas; e aplicar técnicas e instrumentos adequados às características da situação de saúde e do sistema de saúde brasileiro.

Sua estrutura curricular é constituída por cinco blocos temáticos, que são definidos como um conjunto de saberes não disciplinares que conformam um determinado contexto explicativo e/ou um dado recorte da realidade. Quatro blocos contêm os grandes temas que constituem os desafios e perspectivas da área: Saúde Pública; Saúde, Ambiente e Sociedade; Políticas, Sistemas, Serviços e Práticas de Saúde; e Organização do Trabalho em Saúde: Vigilância em Saúde e a Promoção da Saúde.

Para conferir todas as informações sobre pré-requisitos, datas e documentação necessária, acesse aqui o edital e faça sua inscrição.

Marcado , ,