Debates GVsaúde: Desafios da Saúde Pública e Privada no Estado de São Paulo

18o. Semestre de Debates GVsaúde
Tema: Desafios da Saúde Pública e Privada no Estado de São Paulo
Palestrantes:

Renilson Rehem de Souza – Diretor Executivo do Hospital da Criança de Brasília José Alencar
Sergio Ricardo Rodrigues de Almeida Santos – Diretor Técnico-Administrativo – Diretoria Nacional de Serviços Próprios Amil
Moderador:
Álvaro Escrivão Junior
Data: 26/03/2014
Horário: 19h15 às 21h30
Local: FGV-EAESP – acesso pelas portarias:
Av. Nove de Julho, 2029 – Auditório – Térreo
Rua Itapeva, 432 – Auditório – Térreo
Inscrições: Clique Aqui 
       

Ementa:
Quais são os desafios para o SUS e para o Setor de Saúde Suplementar no Estado de São Paulo?

No dia 26 de março o Debates GVsaúde promoverá uma reflexão sobre os desafios do Setor Público de Saúde no Estado de São Paulo.
Serão debatidos, entre outros, os seguintes desafios para a gestão pública: 
Os problemas de qualidade dos serviços prestados e de descontinuidade da atenção.
A descentralização sem uma coordenação eficiente do Sistema Estadual de Saúde que levou à desintegração/fragmentação do SUS paulista, comprometendo a Integralidade da atenção à saúde.
A elevação dos custos pela incorporação de tecnologia médica e pelo aumento da demanda que impacta o sistema de financiamento da saúde.
As novas formas de prestação de serviços com a participação de organizações sociais, o que tornou mais complexa a coordenação do sistema.
As dificuldades para ampliar as ações de Promoção da Saúde e o estímulo aos hábitos saudáveis de vida.
A necessidade de mudar o modelo de Atenção à Saúde para adequa-lo ao novo perfil demográfico e epidemiológico da população paulista.
Enfrentar a carência de recursos, humanos, particularmente dos médicos.
Melhorar a participação e o controle social
Os desafios no mercado das operadoras de planos de saúde no estado de São Paulo também serão analisados:
As ações da ANS para avaliar a qualidade dos planos, estabelecer tempo máximo de espera para consultas e procedimentos.
A ampliação do rol de procedimentos e qualificar os prestadores.
As medidas adotadas pelas operadoras para responder a estas ações, como a implantação da verticalização e outras medidas para reduzir as despesas.