Alimentação e nutrição: cursos em EAD com inscrições abertas

Fonte: Informe ENSP

Os cursos de especialização em Alimentação e Nutrição na Atenção Básica Gestão da Política Nacional de Alimentação e Nutrição, oferecidos pela ENSP, na modalidade a distância, estão com inscrições abertas para alunos até o dia 9 de novembro. Os cursos são desenvolvidos em parceria com a Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição, do Departamento de Atenção Básica, da Secretaria de Atenção à Saúde, do Ministério da Saúde (CGAN/DAB/SAS/MS), com total de 200 vagas disponíveis em cada um deles.

O curso de Alimentação e Nutrição na Atenção Básica visa qualificar a atuação dos profissionais quanto ao desenvolvimento de ações de Alimentação e Nutrição no âmbito da Atenção Básica no Sistema Único de Saúde (SUS). Os interessados em concorrer a uma de suas 200 vagas devem preencher a ficha de inscrição aqui.

Seu público-alvo são os profissionais atuantes na Atenção Básica (AB) no SUS, como os Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf), equipes de Saúde da Família, AB tradicional e AB indígena, priorizando os que são preceptores do Programa de Educação para o Trabalho em Saúde (PET Saúde). Além deles, os profissionais atuantes na gestão federal, estadual ou municipal de alimentação e nutrição ou de AB no SUS, docentes de cursos de graduação em nutrição (públicos ou privados, priorizando os cursos públicos); docentes de outros cursos de graduação da área da saúde; preceptores/tutores de residências multiprofissionais em saúde (como saúde da família e saúde coletiva; profissionais atuantes na gestão ou assistência em outros âmbitos do SUS; e ainda profissionais nutricionistas não atuantes no SUS.

O curso está estruturado em cinco unidades pedagógicas, com carga horária total de 420 horas, tendo 2 (dois) momentos presenciais em (32 horas) e demais momentos a distância (368 horas). O primeiro momento presencial será realizado ao final do sexto mês do curso e o segundo momento no último mês do curso, com objetivo da defesa do trabalho de conclusão. O início das atividades ocorrerá em março de 2013. O local onde cada aluno deverá comparecer para participar dos encontros presenciais, a princípio, é Brasília ou Rio de Janeiro.

Já o curso de Gestão da Política Nacional de Alimentação e Nutrição tem como objetivo qualificar a atuação dos profissionais quanto à gestão da Política Nacional de Alimentação e Nutrição (Pnan) no Sistema Único de Saúde (SUS) no âmbito da União, estados e municípios. Os interessados em concorrer a uma de suas 200 vagas devem preencher a ficha de inscrição aqui.

Ele é voltado para os profissionais atuantes na gestão federal, estadual ou municipal de alimentação e nutrição do SUS; profissionais atuantes na gestão federal, estadual ou municipal de outras áreas do SUS, como atenção básica, atenção de média e alta complexidade, vigilância em saúde e outros; profissionais atuantes na gestão de serviços de saúde, entre elas Unidades Básicas de Saúde, hospitais, policlínicas e outros; docentes de cursos de graduação em nutrição, tanto públicos quanto privados, priorizando os docentes de cursos públicos; docentes de cursos de graduação da área de saúde; preceptores/tutores de residências multiprofissionais em saúde; e profissionais atuantes na assistência à saúde no SUS.

O curso está estruturado em cinco unidades pedagógicas, com carga horária total de 420 horas, tendo 2 (dois) momentos presenciais em Brasília e demais momentos a distancia (368 horas). O primeiro momento presencial será ao final do sexto mês do curso e o segundo momento no último mês do curso, com objetivo da defesa do trabalho de conclusão de curso. O início das atividades ocorrerá em março de 2013. Em fevereiro de 2013, antes do início das atividades, será promovida uma semana de adaptação dos alunos ao ambiente virtual de aprendizagem.