Dia Internacional da Mulher na FSP USP: “Curta depois do almoço”

Fonte: FSP USP

O Departamenot de Saúde Materno Infantil da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP convida alunos, professores e funcionários para uma série de eventos que serão realizadas para marcar o Dia Internacional da Mulher – 08 de março.

Uma das propostas é fazer uma série de pequenos encontros, denominados “Curta depois do almoço”, uma vez por semana durante o mês de março, na hora do almoço, para que um máximo de alunos, professores e funcionários possam participar dos debates.

Programação: 

EVENTO: CURTA DEPOIS DO ALMOÇO
HORÁRIO: 12:30 ÀS 14:00
LOCAL: FSP/USP – Av. Dr. Arnaldo, 715 – Prédio Central – Sala José Maria Gomes.
  • DATA: 08/03/2016
    TEMA: Violência contra as mulheres: como superar o silêncio dos homens?
    Moderador:
    Prof. Ivan França Junior
    * O evento desta data é dedicado exclusivamente aos homens.

  • DATA: 15/03/2016
    TEMA: Por que devemos ser todos feministas?
    Moderadoras:
    Profa. Dra. Cristiane S. Cabral e Profa. Dra. Simone Diniz – HSM/FSP/USP
  • DATA: 22/03/2016
    TEMA: Aborto no Brasil: apenas mais um catalizador das disparidades sociais

    Moderadoras: Profa. Dra. Cristiane S. Cabral e Profa. Dra. Simone Diniz – HSM/FSP/USP

  • DATA: 29/03/2016
    TEMA: “Marido atrapalha mais do que filho”. Desigualdades no cuidado.
    Moderadoras:
    Profa. Dra. Cristiane S. Cabral e Profa. Dra. Simone Diniz – HSM/FSP/USP.


O evento é aberto a qualquer interessado , sem necessidade de inscrições. Não serão fornecidos certificados.

A FSP/USP não disponibiliza estacionamento aos participantes.

Caminhada na USP:

A organização do evento também convida todas e todos para uma passeata no dia 08 de março, organizada pela Rede Não Cala (Rede de Professoras e Pesquisadoras pelo fim da violência sexual e de gênero), com início previsto para as 11 horasda manhã, concentração e saída no vão da História e Geografia, campus Butantã.

Estão sendo convidados todos os coletivos e grupos de mulheres da USP, as pessoas de todos os gêneros (homens e mulheres, cis e trans) da comunidade USP que se solidarizam com o fim da violência sexual e de gênero na USP.

Logo_FSP