Padilha discute Atenção Básica em evento promovido por APSP e FSP USP

Secretário Municipal de Saúde de São Paulo debateu o documento norteador da Atenção Básica no município, em consulta pública até o dia 23

“Desafios da Atenção Básica e a Sustentabilidade do SUS no município de São Paulo” foi o tema do debate organizado pelo Núcleo São Paulo da Associação Paulista de Saúde Pública (APSP) e pela Faculdade de Saúde Pública da USP no dia 12 de novembro que discutiu o documento norteador da Atenção Básica no município de São Paulo.

A mesa contou com as participações de Alexandre Padilha (Secretário Municipal de Saúde de São Paulo), Marília Louvison (FSP USP e presidente da APSP), José Alexandre Buso Weiller (APSP – Núcleo São Paulo), Marco Akerman (FSP USP e APSP) e Patrícia Rondó (vice-diretora da FSP USP).

O documento está em consulta pública até o dia 23 de novembro. O secretário municipal de saúde de São Paulo defendeu o fortalecimento da Atenção Básica na cidade e reafirmou o compromisso com a Saúde e com o SUS. O evento lotou o auditório João Yunes da FSP USP.

Alexandre Padilha discorreu sobre diversos temas durante sua fala e o público presente pôde fazer questionamentos. O secretário falou da importância da Atenção Básica na promoção da saúde; comemorou o fato de o programa “De Braços Abertos” ter 75% de adesão Paulista, falou sobre o impacto dos acidentes automobilísticos nas unidades de emergência e também da questão da reabilitação.

Padilha falou ainda sobre a questão da imigração, das obstetrizes, das dificuldades em uma mesa real de pactuação com o governo estadual e do novo marco legal das Organizações Sociais de Saúde (OSS). O secretário também ressaltou a importância do acesso, da estrutura das unidades de saúde, e do aumento da oferta de residências multiprofissionais. “Em tempos de retrocessos em nosso país, de projetos de lei que restringem cuidados às mulheres estupradas, nós precisamos reconectar a luta pelo SUS, pela manutenção de direitos”, afirmou.

Para Marília Louvison, o evento foi de grande importância, pois trouxe trabalhadores, gestores, professores e alunos. Todos puderam debater livremente com o secretário, “analisando a grandiosidade do SUS no município de São Paulo, enfrentando coletivamente todos os seus desafios”. Marília destaca o papel da Associação Paulista de Saúde Pública na promoção de eventos como esse. “A APSP se coloca como espaço de debates e de possibilidades frente ao cenário político, na defesa incondicional por um SUS público, que responda às necessidades do cidadão em cada território de São Paulo”, afirmou a presidente da APSP.

Saiba mais sobre a Atenção Básica no município de São Paulo.

O documento norteador para a Atenção Básica no município de São Paulo está aqui.

Sugestões devem ser enviadas para o e-mail: opinasaude@prefeitura.sp.gov.br até o dia 23 de novembro de 2015.

Anuidade 2018

Prezadxs Associadxs,

Realize aqui o pagamento da anuidade APSP-2018, bastando clicar no link abaixo conforme o seu tipo de inscrição.
No site do Pagseguro você poderá optar pelo pagamento em cartão de crédito/débito ou boleto bancário

Sócio estudantes de Graduação – R$ 75,00 (Setenta e Cinco Reais)
https://pag.ae/bkyLMJf

Sócio efetivo (Trabalhadores e Pós-graduação) – R$ 150,00 (Cento e Cinquenta Reais)
https://pag.ae/blyLMT6

O pagamento poderá ser feito via depósito bancário na conta da Associação Paulista de Saúde Pública:

Banco do Brasil, agência 6806-3, conta corrente 3108-9. CNPJ 51.717.445/0001-28.

Favor enviar o comprovante do depósito para financeiro@apsp.org.br

Demais Duvidas:
https://apsp.org.br/associe-se
https://apsp.org.br/anuidade2018
https://apsp.org.br/contato