Projeto SGEP/MS, Opas e APSP: 11 e 12 de junho em Santo André

“Políticas e Práticas de Gestão Participativa e Descentralizada no Sistema Único de Saúde no Estado de São Paulo” é o tema do projeto de cooperação técnica entre a Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP) do Ministério da Saúde e a APSP, com apoio da Organização Pan-americana de Saúde (Opas).

O objetivo do projeto é promover e divulgar, em diferentes regiões do estado de São Paulo, debate de temas relevantes à saúde pública.

Serão realizados cursos e debates nos núcleos regionais do ABC,  Baixada Santista, Botucatu, Campinas, Ribeirão Preto, São Carlos e São José dos Campos.

Comunicação e Saúde foi o tema discutido em Botucatu, nos dias 7 e 8 de maio, na Unesp. Participação e Controle Social no SUS é o tema que será tratado em Santos, nos dias 21 e 22 de maio. Em São José dos Campos, o evento acontece entre os dias 27 e 29 de maio. O tema é Vigilância e Estratégia de Saúde da Família: a informação dá vida ao território.

Veja a programação no ABC:

Projeto OPAS Políticas de Gestão Participativa e Descentralizada no Sistema Único de Saúde do Estado de São Paulo

Associação Paulista de Saúde Pública – APSP

Núcleo Regional do ABC/APSP

Centro de Estudos de Saúde Coletiva do ABC – CESCO

Coordenação de Extensão da Faculdade de Medicina do ABC – FMABC

 

Proposta de Curso

REGIÃO DE SAÚDE: INFORMAÇÃO, PLANEJAMENTO E AÇÃO REGIONAL

A atividade proposta faz parte do Projeto de Cooperação Técnica entre a Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa – SGEP – do Ministério da Saúde e a Associação Paulista de Saúde Pública – APSP. Conta com o apoio da Organização Panamericana da Saúde – OPAS, tendo como objetivo realizar atividades de análise, discussão, debate e formação acerca de políticas públicas, programas governamentais regionais e práticas de gestão participativa.

Ementa

Pacto federativo. Conceitos de regionalização e desenvolvimento regional. A equidade em saúde no âmbito regional. Os “bancos de dados” para a produção da informação regional e análise da situação de saúde. Mecanismos de ação regional para a promoção da saúde.

Temática

Pacto federativo e a regionalização da saúde.

Planejamento e Ação Regional – Regionalização da Saúde no ABC: o uso da informação para a melhoria dos indicadores de saúde na região do Grande ABC.

Os desafios da intersetorialidade regional para a promoção da equidade em saúde.

Estratégia

A atividade será desenvolvida através das seguintes estratégias:

  • mesa de debate com a participação dos principais atores envolvidos com a gestão pública da saúde no âmbito nacional, estadual e regional;
  • curso destinado aos profissionais de saúde e de áreas afins previamente inscritos.

Público Alvo

Profissionais de saúde, gestores, acadêmicos e representantes da sociedade local.

Período: 11/06/2015 e 12/06/2015

11/06/2015 (5ª feira)

Das 14h às 18h: Curso

Pacto federativo e a regionalização da saúde – Profa. Dra. Vânia Barbosa do Nascimento (FMABC/Núcleo Regional do ABC da APSP)

A regionalização da saúde como política do SUS – Dra. Carminha Carpintero (COSEMS/SP)

Das 18h às 22h: Debate

Convidados: Ministério da Saúde; Secretaria de Estado da Saúde de SP; Secretarias Municipais de Saúde da Região do ABC; APSP; FMABC.

12/06/2015 (6ª feira)

Das 10h às 17h: Curso

A desigualdade intra-regional na morbimortalidade no ABC: o uso da informação para a melhoria dos indicadores de saúde na região do Grande ABC – Prof. Dr. Fernando Adami (FMABC)

As possibilidades do planejamento e ação regional – Profa. Dra. Paula V. Carnevale Vianna (UNIVAP, SJC/SP)

Os desafios da intersetorialidade regional para a promoção da equidade em saúde –  Prof. Dr. Marco Akerman (FSP/USP)